07 maio 2013

Retenção de líquido

No Dicas de saúde dessa semana venho falar desse problema, que se você souber combater é possível perder 2kg rapidinho.

Conheça os sintomas

> A retenção de líquido provoca inchaço, além de aumentar o peso e a pressão arterial, incomodando muito as mulheres.

> Na semana que antecede a menstruação, muitas sentem a barriga aumentar de volume, os anéis ficarem apertados e os seios incharem.

> Esses são sinais de variação de estrógeno e progesterona, que funciona como um diurético e calmante natural.

> Nesse período, o ganho de peso pode variar de 400g a 2kg, sendo que a maior concentração ocorre nos quadris, nos seios e no abdômen.

> Se a retenção de líquido é constante, vem acompanhada de cansaço, desânimo, pele seca, tornozelo inchado, dores de cabeça e aumento significativo de peso.

> Quando a causa está relacionada ao período pré-menstrual, não há com que se preocupar.






Para prevenir e tratar


> Você deve seguir uma dieta à base de frutas e verduras, reduzindo o consumo de
 açucar, sal e 
condimentos.

> Praticar exercícios físicos como a caminhada, principalmente no período
 pré-menstrual, promove o aumento do consumo de
 líquidos e melhora a circulação sanguínea.

> Também é recomendado fazer massagens, a exemplo da drenagem linfática, que é terapêutica e relaxante.

>Existem medicamentos e terapias para combater o problema, de acordo com o perfil de cada mulher. 
Por isso, seu médico deve ser consultado.





Dieta contra inchaço

> Retire o excesso de sal da sua alimentação. Ele é o maior vilão quando o assunto é retenção de líquido.
>Procure usar o sal em sua versão light, que contém menos sódio.
>Fuja de produtos industrializados e condimentos.
>Consuma com moderação itens como palmito, salsicha e congelados em geral, pois eles reúnem grandes quantidades de sal para se manterem conservados.

"A retenção de líquidos se torna um problema a partir do momento em que os causadores do inchaço são fatores como sedentarismo, má alimentação e problemas renal, cardíaco, hormonal ou vascular"

As dicas acima são um alerta do endocrinologista João César Castro Soares.



Espero que tenham gostado e que sigam as dicas!

Beijos!!!